Adega do Pimenta

De WikiRio
Ir para: navegação, pesquisa
Não encontrou o restaurante que procura? Ajude o WikiRio!

<inputbox> type=create bgcolor= width=24px default=Nome do restaurante preload=Predefinição:Restaurantes editintro= buttonlabel=Criar página hidden= searchbuttonlabel= break=no namespaces= prefix= </inputbox>


Vigilância Sanitária: (21) 2224-9762


Adega do Pimenta

Adega do Pimenta foi criada por um alemão chamado Holf Pfeffer, que traduziu seu nome achando que os brasileiros não conseguiriam pronunciar Pfeffer que significa pimenta em português. Antigo mestre cervejeiro da Brahma, Holf ficou encantado com as maravilhas do Brasil, principalmente com o lado bucólico de Santa Teresa. Era divertidíssimo, de personalidade forte e cheio de boas tiradas. O que ele mais gostava era quando baixava a porta de ferro da Adega e bebia com os amigos e fregueses, ficava vermelho como um pimentão. William Guedes, o atual proprietário, era um dos clientes e companheiro de copo do saudoso Holf que faleceu em 1992. Em 1995 William se aposenta e vê uma oportunidade de transformar seu "bar" preferido em sua "segunda casa". Mantém a mesma decoração e culinária, acrescentado pequenos ajustes tirados de suas experiências em viagens ao exterior.

Já o Herr Pfeffer, que significa Sr. Pimenta em português, foi inaugurado em março de 2002. O nome foi dado em homenagem ao criador da Adega do Pimenta, Holf Pfeffer. Muitos de nossos clientes pediam para que fosse aberta uma filial na Zona Sul. Hoje, a loja do Leblon é administrada pelo filho de William, o Fabio Rodrigo. Amante da culinária e do bom vinho, Fabio criou um cardápio que além dos principais pratos servidos na Adega, também possui pratos mais incrementados que hoje fazem sucesso como a Feijoada Alemã e a Truta com diversos molhos.

A Adega do Pimenta em Itaipava virou Cervejota. A mudança ocorreu em 2004, depois que perceberam que em Itaipava não existia nada parecido.

Na época da Adega, o local era mais fechado e muito formal, com o Cervejota, Itaipava ganhou um verdadeiro ambiente democrático com direito a um deck externo, cadeiras altas, balcões e no segundo andar uma mesa de sinuca, além de vários detalhes característicos de um botequim.

As especialidades são A la carte e Culinária Alemã.


Opinião do WikiRio

Aguardamos a sua opinião sobre o Adega do Pimenta!


Cardápio do Restaurante

  • <Coloque aqui o cardápio do restaurante>>


Fotos


Facilidades

Tem


Não tem
Ar condicionado
Acesso deficiente


Não informado
Área para fumantes
Entrega em casa
Wi-Fi pago
Eventos
Reservas


Funcionamento

Segunda: 11:30 as 22h

Terça: 11:30 as 22h

Quarta: 11:30 as 22h

Quinta: 11:30 as 22h

Sexta: 11:30 as 22h

Sábado: 11:30 as 20h

Domingo: 11:30 as 18h


Pagamento

Aceita
Dinheiro
Cheque
Visa
MasterCard


Não aceita
Cheque


Não informado
Diners
American Express
Ticket Restaurante


Contatos

Email: [email protected]

Website: http://www.adegadopimenta.com.br

Telefone: <Coloque aqui o telefone do restaurante>


Endereço

Rua: Rua Almirante Alexandrino

Número: 296

Complemento:

Bairro: Santa Teresa

Área: Zona Sul

Cep: <Coloque aqui o Cep do restaurante>

Cidade: Rio de Janeiro


Mapa

Carregando mapa...



Como chegar

Carro
Seja o primeiro a descrever como se chega no Adega do Pimenta por carro.
Ônibus
Seja o primeiro a descrever como se chega no Adega do Pimenta por ônibus.
Taxi
Seja o primeiro a descrever como se chega no Adega do Pimenta por Taxi.
Metrô
Seja o primeiro a descrever como se chega no Adega do Pimenta por metro.


Nas proximidades


Não encontrou a informação que procura?
Nos envie sua dúvida e lhe responderemos o mais rapidamente possível. E você ainda estará nos ajudando a tornar o WikiRio ainda mais completo.

Entre em contato com o WikiRio


ATENÇÃO: AS INFORMAÇÕES AQUI CONTIDAS SÃO FRUTO DO ESFORÇO DOS COLABORADORES DO SITE E OS DADOS ORA DISPONIBILIZADOS, PODEM CONTER INCONSISTÊNCIA OU DESATUALIZAÇÃO. O WIKIRIO RECOMENDA QUE SE FAÇAM CONSULTAS EM OUTROS MEIOS COM O INTUITO DE CERTIFICAR-SE DAS INFORMAÇÕES SUPRACITADAS.
Para saber mais sobre nossa política de conteúdo, clique aqui.