Restaurantes Portugueses na cidade do Rio de Janeiro

De WikiRio
Ir para: navegação, pesquisa
Ver também: Melhores restaurantes do Rio de Janeiro


{{#compound_query:

Culinária Portuguesa Rio de Janeiro; ?LatLong;





















icon=Map marker restaurante.png





format=googlemaps height=400 width=100% autozoom=off

}}



Predefinição:Categorias de restaurantes

Os melhores estabelecimentos portugueses

Adega Flor de Coimbra

AdegaFlorCoimbra01.jpg Aberto em 1938, o estabelecimento começou como uma mercearia portuguesa. Hoje em dia é um dos mais tradicionais restaurantes da cidade e, graças a isso, foi tombado pela prefeitura, ganhando o status de Patrimônio Cultural da cidade.



Alda Maria Doces Portugueses

PastelBelem.jpg A doceira Alda Maria Talavera Campos especializou-se na confecção de bem-casados, pastéis de nata, toucinhos do céu e tortas de variados sabores. Na casa, localizada em Santa Teresa, são preparadas mais de 50 receitas. De salgado, somente as tortinhas de bacalhau.



Antiquarius

RestauranteAntiquarius03.jpg O restaurante Antiquarius foi inaugurado no Rio de Janeiro em 1977, no então pouco explorado coração do Leblon. Sob o comando do empresário Carlos Perico, do maître Manoel Pires, o Manoelzinho, mantém hoje a preferência absoluta, ano após ano, em pleitos promovidos por todos os veículos cariocas.



Rancho Português

Link=Rancho Português O restaurante chegou ao Rio e concorre com o tradicional Antiquarius pela preferência dos fãs da culinária portuguesa na cidade.



Casa Cavé

Link=Casa Cavé Esta confeitaria, a mais antiga da cidade, mantem até os dias de hoje aspectos do Rio Antigo. De sua cozinha saem também cerca de 40 tipos de doces portugueses, sendo o pastel de belém o carro-chefe da casa.


Mais estabelecimentos


Ver também: